Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

tyaraju
No comando: Máximas da Vida

Das 9:00 as 11:00

13507003_1060658397361518_453000075740387301_n
No comando: Mate da Esperança.

Das 9:00 as 12:00

13507003_1060658397361518_453000075740387301_n
No comando: Terra e Raiz!

Das 06:30 as 8:00

ee3a02f801d33a8e4413d3c2e53fa2b8
No comando: PILOTO AUTOMÁTICO

Das 06:30 as 11:45

tyaraju
No comando: Vida Gaúcha.

Das 08:00 as 09:00

tyaraju
No comando: Comunidade 87.9

Das 11:00 as 13:00

ee3a02f801d33a8e4413d3c2e53fa2b8
No comando: PILOTO AUTOMÁTICO

Das 12:00 as 20:00

13507003_1060658397361518_453000075740387301_n
No comando: VIDA SHOW

Das 13:00 as 17:00

tyaraju
No comando: MATE NOVO

Das 17:00 as 19:00

images
No comando: Voz do Brasil

Das 19:00 as 20:00

ee3a02f801d33a8e4413d3c2e53fa2b8
No comando: Piloto Automático

Das 20:00 as 06:30

Governo recua sobre enquete e decide manter horário de verão Relógios devem ser adiantados em uma hora a partir do dia 15 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste

Compartilhe:
100_17506_md

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, confirmou a manutenção do horário de verão para este ano. Segundo ele, o governo avaliou que não haveria tempo hábil para fazer uma consulta à população sobre o assuntopara tomar uma decisão válida para este ano. A enquete, no entanto, será realizada, mas com mais tempo para que a população possa opinar e para que o governo possa avaliar os resultados e deliberar sobre a questão.

“Queremos fazer uma consulta à população com mais tempo, como a Casa Civil já anunciou”, disse o ministro. “Ficou apertado. Vamos fazer esse levantamento e, dependendo de como for a reação, avaliamos isso mais para frente.” Neste ano, o horário de verão vai começar no dia 15 de outubro, quando todos deverão adiantar os relógios em uma hora. O horário de verão termina no dia 17 de fevereiro.

Estudos realizados pelo Ministério de Minas e Energia apontam que o horário de verão não proporciona economia de energia. Isso se deve principalmente à popularização dos aparelhos de ar condicionado, item que consome muita energia.

O pico de demanda atualmente ocorre no início da tarde, entre 14 horas e 15 horas, quando a temperatura está mais alta. No passado, o “vilão” da conta de luz era o chuveiro elétrico e o momento de maior demanda ocorria entre o fim da tarde e o início da noite, entre 17 horas e 20 horas. Fonte: Correio do Povo.

Deixe seu comentário: